Emendas para a Lei Orçamentária para 2019 de vereadores da oposição foram barradas, Presidente da Casa explica o motivo. - CONEXÃO NOTÍCIA - Wellington Marques

Últimas

Post Top Ad

Responsive Ads Here

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Emendas para a Lei Orçamentária para 2019 de vereadores da oposição foram barradas, Presidente da Casa explica o motivo.


Numa sessão bastante tumultuada, a Câmara Municipal de Sobral aprovou, na noite de ontem, a Lei Orçamentária para o Município de Sobral para 2019.

Os vereadores Tiago Ramos, Adauto Arruda e Fransquinha do Povo entraram com emendas junto ao projeto, mas todas as emendas foram rejeitadas. Segundo a mesa diretora da Casa, as emendas deveriam ser rejeitadas, sumariamente, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

O projeto de Lei Orçamentária proveniente do Executivo sobralense foi votado em duas etapas. Na primeira votação, os vereadores de oposição votaram contra. Já na segunda votação, todos os vereadores de oposição na Câmara Municipal, esvaziaram o plenário. 

A nossa reportagem conversou com o presidente da Câmara Municipal, o vereador Paulo Vasconcelos. Ele explicou a aprovação do projeto e o motivo pelo qual as emendas dos vereadores foram barradas.

Acompanhe todos os detalhes no vídeo abaixo:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Páginas