Ceará é o terceiro estado com o maior número de eleitores entre 16 e 17 anos - CONEXÃO NOTÍCIA - Wellington Marques

Últimas

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Ceará é o terceiro estado com o maior número de eleitores entre 16 e 17 anos


Nas Eleições 2018, poderão comparecer às urnas 112.340 adolescentes de 16 e 17 anos, sendo 35.380 com 16 anos e 76.960 com 17 anos. Com esses números, o Ceará torna-se o terceiro estado com maior eleitorado de 16 e 17 anos, ficando atrás apenas de São Paulo (172.308) e de Minas Gerais (112.868), os dois mais populosos e com maior eleitorado do país. Minas Gerais supera nosso estado por apenas 528 eleitores. Destaque-se que o Ceará detém o oitavo eleitorado brasileiro em números totais, com 6.344.483 cidadãos.
No tocante ao percentual de adolescentes de 16 e 17 alistados em relação ao total de eleitores, o Ceará é o sétimo colocado (1,77%), ficando atrás de estados com menor eleitorado e sendo o primeiro entre as dez unidades da Federação com maior número de eleitores.
Observa-se desde a eleição de 2010 uma redução do número de alistados nessa faixa etária em eleições gerais. No entanto, a série histórica no nosso estado relativa às eleições 2010/2014/2018 indica uma redução menor em relação aos números do país, sendo -1,70/-21,56/-13,69 no Ceará contra -6,46/-31,48/-14,54 no Brasil.
Eleitor do amanhã
Desde 2007, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF, vem realizando o Programa Eleitor do Futuro (Resolução TRE-CE nº 316/2007), destinado a promover a educação política dos jovens na faixa etária de 12 a 17 anos de idade dos estabelecimentos da rede de ensino fundamental e médio do Estado do Ceará, especialmente das escolas públicas, estimulando-os ao exercício da cidadania e do voto consciente.
As atividades do programa seguem três linhas de ação: I – ampliar o contingente dos eleitores jovens de 16 e 17 anos no Estado; II – formar e informar os jovens acerca da importância, da finalidade e das consequências do exercício do voto, como processo de tomada de decisão; III – estimular o envolvimento dos jovens nas diferentes esferas de organização social, incentivando-os a participar dos organismos escolares de representação estudantil.
No tocante ao número de eleitores de 16 e 17 anos, o TRE-CE vem promovendo campanhas de alistamento eleitoral em todo o Estado, desde 2003, sempre em anos não eleitorais. Foram realizadas oito campanhas que contaram com a participação de 249.888 estudantes e de 8.289 escolas.
Nas campanhas, o atendimento é realizado na própria escola ou de forma preferencial nos cartórios eleitorais e centrais de atendimento como forma de incentivar a participação dos adolescentes de 16 e 17 anos, uma vez que o alistamento e o voto nesta faixa etária são facultativos.
Outra importante atividade de estímulo à participação política dos adolescentes é o empréstimo de urnas eletrônicas para a realização das eleições de grêmios estudantis e outras entidades de representação no âmbito escolar. Em 2017 e 2018, 62.897 estudantes votaram em eleições em escolas públicas e particulares com urnas eletrônicas.
Blog do Roberto Moreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here

Páginas